Filed Under (Sites) by Dany on February-2-2008

O que são sites
Os sites são constituídos por arquivos contendo código das páginas, imagens ou animações.
Os sites ficam armazenados em computadores chamados servidores de hospedagem, que podem ser acedidos de qualquer computador com uma ligação à internet.

A criação de sites envolve o uso de alguns programas específicos para criação e edição dos arquivos que compõem um site.
Os programas necessários na criação, vai depender do resultado desejado.

Tipos de linguagens de programação
O HTML é um das mais antigas linguagens de programação. A palavra HTML é HyperText Markup Language e está presente na maioria dos sites.

Uma das desvantagens que influenciam os programadores a utilizarem outros tipos de linguagens como o PHP, é o fato de o HTML ser uma linguagem estática, isso que dizer que não seria possível o desenvolvimento de uma loja virtual utilizando apenas o HTML.

Linguagens dinâmicas como o PHP, ASP e CGI são utilizadas para criações de sites complexos como lojas virtuais, fóruns, sites de comunidades, etc…

Saber mexer com estes códigos não é estritamente necessário, pois editores de sites como o DreamWeaver e FrontPage permitem a criação de sites estáticos em modo visual, isso quer dizer que você vê o resultado final enquanto está a trabalhar no site.

Endereço do site
Também chamado de domínio, é o nome dado ao site, que ao ser digitado na barra de endereços do navegador, irá direccionar o visitante para o site.

Editor de sites
Os editores de sites permitem o desenvolvimento de um site de uma forma mais fácil.
Eles ajudam a gerar o código que será responsável pela apresentação do conteúdo de uma página.
Os editores de sites mais utilizados são o DreamWeaver e o Front Page.

Editor de imagens
Para criar e editar imagens a serem utilizadas em um site é necessário um programa para este fim. Dois programas amplamente utilizados por webmasters são o PhotoShop e o FireWorks.

Editor de animações
Animações de imagens necessitam de programas específicos para isso.
Os tipos de animações mais utilizados são o gif e flash.

Servidor de site

Para que um site esteja disponível para os seus visitantes, é necessário que ele seja alojado num servidor que também é conhecido por hosting.

Programa FTP
O envio dos arquivos do site que você criou para o servidor é feito por um programa que efectua o upload e download dos arquivos.

Estes são os requisitos básicos necessários para a criação de sites.

A utilização de um template completa ou de um modelo pré feito facilita bastante a tarefa. Faça o download destas 3 templates as quais poderá utilizar a sua vontade.

Download Templates Gratis



Filed Under (Dominio) by Dany on January-31-2008

O nome de domínio é o seu nome na Internet, a forma como as pessoas vão encontrar e se lembrar de si ou do seu negócio. Se você possuir uma empresa, fica um pouco mais fácil: utilize o nome corporativo para estabelecer sua presença on-line. Mas em qualquer dos casos, seja em websites pessoais ou profissionais, a escolha do nome do domínio é fundamental e deve ser pensado muito antes da definição do site em si. Um nome de domínio bem elaborado ajuda no posicionamento do site em motores de buscas, torna-se uma referência para os visitastes do seu site e é o primeiro passo para a construção de uma marca de sucesso na Internet.

Algumas práticas para registrar um nome de domínio são relevantes:

Escolha um nome de acordo com o assunto de que ira tratar no site.

Não é regra, mas quanto mais óbvio for mais visitantes vai conseguir no seu site e que voltem sempre que necessitarem. Se você pretende falar sobre o Jaspion, verifique a disponibilidade do domínio do tipo jaspion.com ou jaspion.net.

Utilize nomes curtos e de fácil memorização.

Imagine: Esta ao telefone com um potencial cliente, eis que ele pergunta o endereço de seu site para aceder a mais informações e mais detalhadas sobre seus serviços. E você diz: “www.ballettchaicovsky.com”. Além de ser um nome extenso, é bem difícil de ser pronunciado; lembre-se que, uma vez na Internet, você está aberto a receber contactos de todo tipo de público. Provavelmente, este potencial cliente vai entender uma letra errada, mesmo que você soletre, e não vai aceder ao seu site. Um nome razoável de domínio possui até 8 caracteres, em média.

Registre seu nome de domínio em diversas extensões.

Se você puder investir no registro de vários domínios para sua marca, e pode protegê-la contra o uso indevido por possíveis concorrentes ou mesmo contra a infeliz coincidência de encontrar outra pessoa que adoptou o mesmo nome para um site de um assunto totalmente diferente do seu. As opções são várias, tanto entre nacionais quanto aos internacionais. Tente, porém, para o .pt ou qualquer. Assim você garante que, se o seu cliente se esquecer que seu site é .com, e se o mesmo aceder .pt, também ira chegar ao seu site, desde que tenha registrado os dois tipos.

Registre variações do nome escolhido.

Uma ideia para garantir que mais pessoas acedam ao seu site, é valer-se dos seus próprios erros e registrar nomes de domínio variados. Por exemplo, o Google, sabe que é um erro humano comum inverter algumas letras de uma palavra, registrou, além de google.com, também goolge.com e google.com.

Ao utilizar nomes compostos, separe-os com hífen.

Esta é uma dica para ajudar os mecanismos de busca a classificarem o seu site de acordo com aquilo que ele realmente trata.

Por exemplo: casa-de-bolos.com é mais eficiente do que casadebolos.com.

Não registe marcas protegidas.

Você pode descobrir que uma marca registrada conhecida não possui domínio registrado, mas não é por isso que você pode utilizá-lo. Além de ser anti-ético, as empresas estão munidas de advogados que podem lhe causar grandes dores de cabeça por causa do uso indevido daquela marca.



Filed Under (Trafego) by Dany on January-27-2008

O seu blog ou site/blog gostaria de reter mais os visitantes para que cliquem mais em anúncios ou comprem mais? Alguns destes exemplos podem trazer boas idéias para o seu caso. Se você tem um site/blog ou blog, ainda há tempo para rever as suas estratégias, especialmente a maneira como você recebe e trata os seus visitantes.  É tão importante como gerar tráfego para seu site/blog é receber bem os visitantes. O conteúdo apresentado e atracão geral do seu site/blog podem fazer toda a diferença.  Algumas idéias simples para agradar aos seus visitantes e aumentar o tempo em que navegam nas páginas de seu site/blog. Vale a pena lembrar que o visitante satisfeito volta, indica o site/blog para amigos e sempre ajuda a aumentar as suas vendas.  
1. Crie um “Hall da Fama” ou um “concurso” no seu site/blog 
Deve ser bem relevante para o seu público em alvo e listar aquilo que existe de melhor ou mais popular no seu segmento de actuação. Se você fizer o seu “trabalho de casa” e pesquisar correctamente, neste blog poderá tornar-se uma referência no seu segmento.  
Listas de votação tipo “os 10 mais” sempre ganham mais destaque.
Exemplo: As 10 cantoras mais sexys.  
2. Crie uma “caça ao tesouro” para os seus visitantes 
Permita que os seus visitantes se envolvam e explorem mais o seu site/blog, oferecendo algo de valor caso eles encontrem uma frase ou uma determinada figura escondida em alguma página no sue site/blog/blog. O prémio poderia ser um brinde, como um e-book ou uma unidade a mais grátis no caso de uma compra, ou mesmo um link para o site/blog do vencedor. Use a sua criatividade!  
3. Desenvolva o seu site/blog para o seu público em alvo
Tenha em mente todo o design, cores, figuras e texto do seu site/blog deve ter o propósito de se encaixarem com os desejos, sonhos e anseios do seu público em alvo. Isso significa que se aquela animação em Flash com o logótipo de sua empresa não causa nenhuma emoção nos visitantes do site/blog (além de si). Esta na hora de trocá-la por algo que agrade mais valor para o seu visitante final.  
Por que não colocar no lugar dela algumas estatísticas sobre o seu segmento, depoimentos de clientes satisfeitos ou mesmo notícias relacionadas que venham a afectar a vida ou escolha do seu público em alvo? 
4. Adicione fotos do seu produto que esta a ser utilizado. 
Não ter nenhuma foto do seu produto ou serviço no seu site/blog é morte na certa. Disponibilizar uma ou mais fotos que mostrem o que você oferece ajudara a vender melhor sua oferta. Um tipo de técnica muito poderosa quase sempre esquecida pelos empreendedores on-line é publicar fotos e imagens do seu produto que está a ser utilizado, manipulado ou em contexto com os compradores finais. Na maioria dos casos, a combinação “humanos + produto” na imagem tem um efeito ainda mais poderoso.
5. Explique o que você faz de uma forma rápida. 
Assim que seu visitante cair no seu site/blog, ele deve poder ver rapidamente quem você é e o que oferece. De preferência em três linhas, explique qual é o seu propósito e diferencial, com um link “Saiba mais”.  
6. Entreviste pessoas famosas do seu segmento. 
Faça uma entrevista (mesmo que por e-mail, Skype ou telefone) com uma pessoa conhecida, influente ou especialista em da sua área de actuação. Se as suas perguntas forem bem elaboradas, você consegue rapidamente um conteúdo de alta qualidade para os seus visitantes, e ainda pode beneficiar da “associação mental” que as pessoas farão entre si e o entrevistado, utilizando um pouco da publicidade da pessoa para si e para o seu site/blog.  Um advogado, por exemplo, poderia indicar um colega especialista em “sucessão de bens” ou “direitos do trabalhador” e discutir sobre as principais dúvidas que as pessoas têm sobre o assunto. Assim como uma loja on-line poderia montar uma entrevista (ou tutorial) sobre “o que muda com a TV Digital”. Ambas as iniciativas trariam muito valor para seu público em alvo e certamente receberiam diversos links de pessoas a recomendar o sue site/blog. Se possível, use vídeos ou pelo menos áudio (mp3) para a sua entrevista. Ambos os formatos tem um “valor aparente” maior para as pessoas do que somente o texto. 
7. Ofereça brindes. 
Sempre que possível, aponte os seus esforços de marketing online com actuações offline. Por que não oferecer CDs, adesivos, t-shirts ou bonés para os seus visitantes? Eles com certeza ficariam com uma óptima impressão da sua empresa e ainda fariam propaganda do seu site/blog por aí. Literalmente. 
Poderia oferecer brindes somente para os visitantes que tomarem uma determinada acção, como se inscrever na sua newsletter, ou escreverem um comentário sobre determinado assunto (solicitar um link apontando para seu site/blog é sempre uma boa penda também!). 
8. Divida páginas longas em duas ou mais páginas menores. 
Invés de apresentar uma página gigantesca, no caso de conteúdo muito extenso, poderá ser uma boa ideia dividir a sua página em dois ou mesmo três assuntos mais específicos e criar uma nova página para cada assunto.  
Uma página inteira que fala sobre “Conquistar a pessoa amada”, poderia ser dividida em “Como saber se a pessoa gosta de si?”, com uma segunda página de “Dicas para conquistar quem você gosta” e ainda “Escolher o presente para a pessoa amada”.  
Do ponto de vista de SEO (Search Engine Optimization), este procedimento pode ter os seus prós e contras, mas acredito que os pontos positivos sejam mais numerosos que os negativos. O Google não vê site/blogs e sim páginas e gosta daquelas que tratam de assuntos específicos mas que sejam relacionados entre si. Portanto, vá sem medo, ok? 
 9. e 10. Últimas dicas.
Estes artigos poderiam apresentar mais duas séries de dicas diferentes, pois existem muitas idéias que funcionam bem e têm um valor específico. E certamente você sabe mais sobre o seu nicho de mercado do que eu. Por isso, fica aqui em aberto estas últimas dicas para que você as preencher: Qual é a sua ideia para receber melhor o visitante de seu site/blog?



Filed Under (AdSense) by Dany on January-27-2008

AdSense é um serviço de publicidade oferecido pelo Google. Os wemasters podem se inscrever no programa para exibir anúncios em texto, imagem e a mais recentemente

em vídeo. A exibição dos anúncios é administrada pelo Google e gera lucro baseado na quantidade de clique. Os anúncios podem ser escolhidos de acordo com o conteúdo do site, a localização geográfica do anunciante entre outros factores, acabam gerar um anúncio.

Meios mais intuitivos que a maioria dos banners, e de acordo com o conteúdo da página, o que o tornou um método popular para oferecer anúncios.



Filed Under (Programa de Afiliados) by Dany on January-27-2008

Um Programa de Afiliados é uma forma popular de marketing online, a cada website que faça referência ao seu negócio é paga uma comissão. Os afiliados indicam no seu website através de um código de um banner ou de um link. Este conceito de marketing capturou a imaginação dos comerciantes, porque representa uma oportunidade sem concorrência baseada num modelo de pagamento por performance. Em vez de pagarem por um anúncio, os comerciantes que utilizam este sistema pagam apenas pelos resultados das vendas enviadas por esse afiliado.   Numa frase, o marketing por afiliados é uma forma única de fazer publicidade.  Como pode imaginar, muitos comerciantes vêem este programa como uma licença para fazer dinheiro, e fazem os possíveis para terem o maior número possível de afiliados. De facto, em muitos casos, comerciantes com programas de marketing de afiliados com sucesso tem mais de cem – senão até mil – afiliados com websites, e que continuam a angariar potenciais clientes numa base diária.  Este conceito trouxe uma nova forma de marketing.O poder dos afiliados. Os webmasters que os referem tornaram-se peritos em atrair uma grande quantidade de tráfego com qualidade, representando um grande potencial de vendas para os seus próprios sites, e vão enviando o tráfego para os comerciantes. Em muitos casos, o poder dos afiliados veio criar autênticas carreiras e negócios para eles mesmos, simplesmente com a sua habilidade de gerar uma grande quantidade de tráfego com regularidade.  O sistema de afiliados guarda todos os detalhes para si:  

  • Processamento do registo de um novo afiliado
  • Seguir todos os tráfegos e vendas originadas do seu website
  • Calcular o total de comissões para cada um dos afiliados
  • Automatização do pagamento das comissões para todos os afiliados

Alguns programas também lhe oferecem a flexibilidade de escolher de entre a estrutura da comissão. Você irá verificar que essa flexibilidade é extremamente valiosa. A comissão é a chave que fará com que os afiliados se juntem ou não ao seu programa.



Filed Under (PayPal) by Dany on January-27-2008

O que é o Paypal?
PayPal é uma empresa – mais que credível – que permite a transferência de dinheiro entre indivíduos ou negociantes com um endereço de e-mail, evitando métodos tradicionais.É um serviço internacional que lida com uma espécie de “moeda electrónica”, sendo possível converter esta para dinheiro a qualquer momento.
O serviço é gratuito para contas pessoais, apenas cobram uma taxa para contas comerciais e empresariais.PayPal também fornece processamento de pagamento para negócios e-commerce, sites de leilão e outras corporações que pagam uma taxa extra. A PayPal foi adquirida pela eBay em Outubro de 2002. O PayPal está disponível em 103 países e em 16 moedas correntes.

Como usar?
Para se registar no PayPal:

1º – Entre no site do paypal e crie a sua Conta Pessoal, inscrevendo-se no Link “Sign Up Today”.
2º – Antes de mais, escolha o seu país e o tipo de conta mais adequado.
Serão pedidos alguns dados pessoais. Pode preencher tudo sem receios. Será identificado apenas pelo e-mail, que será sua identidade digital neste “banco virtual”.
3º – Quando lhe for solicitado o número do cartão de crédito, caso não o tenha, clique em CANCEL – Se tiver um, preencha sem qualquer receio. Poderá, mais tarde, fazer compras em milhares de lojas online em qualquer parte do mundo utilizando o paypal e sem nunca mais ter de dar o número do cartão de crédito.
4º – Receberá, pouco depois, um e-mail para confirmar seu registro no PayPal.
5º – Após confirmar o registo, estará apto para utilizar um dos serviços bancários mais credíveis e utilizados mundialmente, nomeadamente para receber o dinheiro que ganhar na internet.

Sign up for PayPal and start accepting credit card payments instantly.



Filed Under (PageRank) by Dany on January-27-2008

1º – Número total de links que se têm a apontar para uma página. Todos, mesmo os internos. Os melhores, e mais difíceis de conseguir também, são os provenientes de páginas com conteúdo idêntico ao nosso, com uma boa discrição do tema no próprio texto do link e para as quais não temos nenhum link a apontar. Se possui mais de um site link de uns para os outros mas sem ser links recíprocos, alterne as páginas que apontam de uns sites para os outros. Faça algumas trocas com os seus amigos e compre alguns em directorias.  Escrever artigos para divulgação grátis. Comprar Reviews (pagar para que o dono do blog escreva um artigo sobre o nosso site ou blog com alguns links) em blogs também é muito bom, mas pode ser relativamente caro pelo que não é aconselhável. No entanto se possui um site ou blog que tenciona divulgar fortemente, pagar uma Review pode ser uma boa aposta. 

2º – A funcionalidade de navegação de seu site, ou seja, a maneira como se acede de umas páginas às outras dentro do próprio site (os blogs não têm este problema). Barras de navegação transversais ou ao alto, comuns a todas as páginas, facilitam a navegação dos visitantes e permitem aos robots indexar facilmente todo o conteúdo. No entanto estes links têm que ser em texto porque os robots não seguem imagens. 

3º – Disposição do conteúdo dentro do próprio site. O conteúdo relevante para o tema do nosso site deve sempre ser escrito na própria páginas e nunca inserido dentro de frames ou sob a forma de imagens, banners ou qualquer outro elemento visual. Os robots quando visitam o seu site para a indexação apenas referenciam o texto escrito, pelo que se o seu site apresenta o conteúdo mais importante sob outra forma o seu site não será indexado, ou será mal indexado, distorcendo o seu tema principal. 

4º – Originalidade do conteúdo.Conteúdo copiado, legal ou ilegalmente, que aparece disperso pela Internet em muitos sites tende a ser penalizado pelos principais motores de busca, mesmo que esse conteúdo seja autorizado ou relevante, como noticias.Por isso quando construir os seus sites tente sempre escrever os seus próprios textos, e se copiar alguns textos, tente sempre intercala-los com texto original para obter a maior percentagem possível de conteúdo original.  

Por isso, se pretende obter um PageRank significativo e uma boa disposição nos motores de busca, não se esqueça de implementar estas pequenas grandes coisas. Fará toda a diferença!   Isto pode não o fazer conseguir um PR de 4 ou  5 mas, se não os implementar nunca o conseguirá, independentemente do que fizer.



Filed Under (SEO) by Dany on January-27-2008

Você que acabou de criar um blog na plataforma WordPress? E tem como objectivo optimizar o seu Blog para que o mesmo fique totalmente indexado na primeira página do Google.  

– Tenha um bom título, pois ele é a alma do seu artigo/post. Atenção, cerca de 50% do SEO está aqui.

– Coloque o título do seu artigo dentro da tag H1. Aproveite para optimizar o seu tema fazendo com que mostre sempre o título antes do nome do blog. Para isto basta adicionar o código a seguir no seu header.php: 

  • <title>
  •  <?php wp_title(’ ‘); ?>
  • <?php if(wp_title(’ ‘, false)) { echo ‘ -’; } ?>
  • <?php bloginfo(’name’); ?>
  • </title>  

– Aprenda a escolher as melhores palavras-chaves (keywords), mas cuidado com o abuso excessivo das mesmas. 

– Use a tag STRONG para marcar uma palavra e/ou frase de destaque. Isso avisará para o bot que esta tem um pouco mais de importância com relação às outras. Ah, use também os atributos ALT e TITLE correctamente. Você vai notar a diferença rapidamente.  

– Entenda como os Robots e Spiders trabalham para os mecanismos de busca. 

– Não se preocupe com PageRank e afins. Com o passar do tempo vai descobrir que tudo isso pode ser extremamente relativo. 

– Saiba como configurar o pingback e os múltiplos serviços de indexação de blogs. 

– Perceba que além destas dicas de SEO existem outras tantas disponíveis.  

– Entenda que o Google Adsense não é tudo e que existem várias vidas sem ele, mas há que ter disposição. 

10º – Não se preocupe em ganhar dinheiro logo nos primeiros 6 meses de blog. Procure ou aprenda a fazer amigos na blogosfera falando.



Filed Under (Editores Web) by Dany on January-27-2008

 Obtenha mais receita com o seu site, além de oferecer aos seus visitantes uma experiência online mais recompensadora. O Google AdSense™ fornece automaticamente anúncios gráficos e de texto que são relacionados com precisão ao seu site e ao seu conteúdo. Na verdade, os anúncios são tão adaptados ao contexto, que os leitores realmente os considerarão úteis. E quando você acrescentar o Google WebSearch ao seu site, o AdSense também fornecerá anúncios direccionados às suas páginas de resultados de pesquisa. Com o AdSense, você obtém mais receita proveniente dos anúncios, com mínimo esforço e sem custo adicional.

Mobile SMS Marketing